24 de mar de 2012

Transmissão de pensamento


Em Tão longe, tão perto, de Win Wenders, o anjo Cassiel observa os humanos numa Berlim pós-queda do muro. Motoristas, pedestres e moribundos têm seus pensamentos ouvidos pelo ser celestial, que tenta compreender-lhes os sentimentos. A fita é antiga, mas a sequência inicial está entre minhas preferidas.



Tem outro filme, esse ruim que dói, todo baseado no tal poder. Do que as mulheres gostam?. É aquele em que o patético Mel Gibson lê as mentes femininas. Tá bom, quando criança eu ficava tentando adivinhar os pensamentos das pessoas também. Como aquelas vozes que nunca silenciavam podiam estar ali tão perto sem serem ouvidas? Girando, girando em torno de um núcleo de egocentrismo umbilical, parecem sempre prontas para uma fissão de palavras. Claro que nem tudo desejamos ouvir e certos pensamentos perdem a chance de ficarem calados. A maioria, entretanto, não se apresenta nem por decreto. Entram por um ouvido sem sair pelo outro.
 O Twitter foi criado com a intenção de divulgar os pensamentos dos seus usuários. No “feici” (sim, no "tecladês" escreve-se assim) também há espaço para o que você está ruminando. A seguir transcrevo algumas frases que pesquei nas ditas redes sociais. A responsabilidade das ideias a seguir são, portanto, de seus autores e seguidores. A cada ponto, uma sentença. Lá vai:

Cara, eu não sei por que, mas tô tipo super passando mal nessas últimas semanas.

A fim de saber a verdadeira verdade, estou a fim de saber!

Espanta que tanta gente minta sempre a mesma mentira e todos acreditem.

As gurias que você nunca vai conseguir pegar são as que mais dá vontade de ficar.

Você aponta em mim seus piores defeitos.

Imposto de Renda, eu te odeio! Pronto, já fiz minha declaração.

Minha disposição pra ir à aula tá abaixo de zero.

Se já não bastasse chegar atrasado, tenho prova marcada.

Teste e ainda redação pra amanhã! Oh, dor! :@

Tô quase dormindo, pena que a aula está interessante hoje.

Doctor Who é o segundo melhor sci-fi; primeiríssimo só Star Trek: first contact.

Queria desenhar meu amor.

Das sensações que mais gosto: abraço apertado.

Cadê você?

Estão fundando o movimento Thortura nunca mais.

Problemas pra teclar o ponto.

Teclado bandido.

Metrô vaziozinho.

Quase uma hora na parada e agora busão lotado, ninguém merece!

Vou começar a deixar meu cabelo mais claro... pintei de loiro médio... Pena que não pegou muito ): mas não vou desistir!

Baita verdade.

Tudo é maravilhoso quando você está se lixando pra vida.

Heaven for hell. Blue sky for pain. Essa música anima qualquer ser gripado.

O tio Sam tá querendo conhecer a nossa batucada...

Tocando aquela gorda bonita no rádio agora.

Prefiro a sinceridade das próprias qualidades que a humildade forçada!

Essa semana dei início à Dieta da Preguiça.

A preguiça é afrodisíaca.

Versão de minha janta 2.0: miojo com maionese e parmesão.

Melancia verde, droga!

Baita sono, larguei! Fui.

Sei o que você está pensando agora, leitor.

Publicado no

Nenhum comentário: